05
Jun 12



Uma Mercy sem sarilhos, nem sequer é ela própria. A cada volume vamo-nos habituando ao facto de ela ser um grande íman de problemas quando ela só quer um pouco de paz para colocar as ideias em dia. Tendo aceite ser a companheira de Adam, muitas adaptações e ajustes há a fazer, mas quando sente que o bando começa a mexer com a sua cabeça, o desespero começa a corroer-lhe a mente.

Como se não bastasse, mais uma vez se vê envolvida num enigma feérico e a rainha das fadas não vai desistir enquanto não obtiver o que quer, mesmo que isso custe a vida dos mais queridos de Mercy.
Não havendo duas sem três, Samuel atingiu um estado de depressão tal que o seu lobo teve de tomar controlo. Mas Sam, o lobo, apesar de ser bem mais pacífico que o normal, em breve pode entrar em descontrolo levando à morte de ambos. Como irá Mercy lidar com todos (...)

Para seguir no blogue Morrighan.

publicado por saidaemergencia às 09:30

Novidades