22
Set 11

FimChegaManhaNevoeiro.jpg - 180x259 - 71.21 kb

As Edições Saída de Emergência voltam a apostar em Renato Carreira, e publicam um segundo livro de sua autoria. Depois do divertido História de Portugal - Director's Cut, o autor revela O Fim Chega Numa Manhã de Nevoeiro, uma mistura de thriller e aventura fantástica, vivida na cidade de Lisboa actual.

Baltazar Mendes é o herói desta trama. Investigador policial, é acusado de loucura depois de viver uma situação pouco provável, ao descobrir que a cidade que habita tem mais segredos do que aqueles que julgava serem possíveis.

"Passara a vida a tentar ser um gajo digno e conseguira quase sempre. Não merecia que me achassem doido por considerar reais coisas em que também não acreditaria se tivesse escolha."

Envolvido em confrontos que opõem forças sobrenaturais, Baltazar é considerado louco, sendo afastado das responsabilidades da sua profissão e obrigado a ter acompanhamento psiquiátrico. Como se tal não bastasse, identidades do lado oculto da sociedade reclamam, uma vez mais a sua ajuda, afinal, ele é dos poucos humanos que tem um dom que pode ser relevante para travar a ameaça que se avizinha.

O título do livro sugere um mito bastante intrincado no povo português: o sebastianismo. Estamos habituados a vê-lo utilizado como referência à procura do patriotismo perdido que voltará com a chegada messiânica do Quinto Império, tão anunciado pelo Padre António Vieira, no século XVII e por Fernando Pessoa, em Mensagem, publicada no século XX. Renato Carreira arrisca numa outra vertente. Nesta obra, o Desejado aguarda o regresso à vida, tal como a concebemos, não com a intenção de conduzir Portugal à glória, mas sim com intuitos de destruição, afinal trata-se de um poderoso taumaturgo que despreza as formas de vida com ânsia de poder absoluto.

A viagem por espaços históricos e bastante conhecidos da (...)

Para seguir no blogue Bela Lugosi is Dead.

publicado por saidaemergencia às 17:15

Novidades