31
Jan 11

Apelo_da_Lua.jpg - 180x262 - 62.95 kb

Mercy Thompson não só captou por completo a minha atenção como, ao mesmo tempo, me deixou rendida e desesperada por continuar a folhear a sua vida. Uma heroína de se louvar, frágil na sua metamorfose enquanto rodeada por todas as outras espécies sobrenaturais com as quais lida a um nível quase diário, mas ainda assim forte no que diz respeito à sua personalidade e às suas crenças. É difícil o leitor não se apaixonar pela destreza e maturidade de Mercedes Thompson, e é por isso, em conjunto com toda uma série de factores deliciosamente importantes, que esta série é imprescindível e imperdível para o mais atento e ávido leitor de fantasia urbana.

Tri-Cidades é um local relativamente pacato. A sua peculiaridade regista-se no facto de não só ser populada por humanos... como também por toda uma série de misteriosos seres como lobisomens, vampiros, bruxos e seres feéricos. Mercy Thompson não é muito diferente. Não sendo humana, também não faz parte de nenhuma destas categorias sobrenaturais, no entanto, a sua habilidade e dom são perfeitos para lhe conferir uma certa segurança no meio de tanta diversidade. Mercy é uma metamorfa, ou seja, sempre que quiser, quando quiser e a uma velocidade impressionante, ela consegue transformar-se num coiote. Este poder, chamemos-lhe assim, confere-lhe uma agilidade e um apuramento dos sentidos extremamente necessário para toda a aventura que um simples (...)

Para seguir no blogue Pedacinho Literário.

publicado por saidaemergencia às 17:29

Novidades